Turismo

“Desafio do Lixo” movimenta ações da Secretaria de Turismo e Meio Ambiente

Durante o mês de junho, que é comemorado o Dia Nacional do Meio Ambiente, a equipe da Secretaria de Turismo e Meio Ambiente esteve em alguns pontos de depósito de lixo clandestino no município fazendo a limpeza do local.

Esta ação faz parte da campanha do “Desafio do Lixo Final” do Governo Estadual, que motiva a todos para fazer a sua parte para mantermos um ambiente mais limpo e saudável.

Se você quer fazer parte desta campanha, acompanhe as próximas publicações da Prefeitura Municipal, onde estará um passo a passo de como participar.

A consciência ambiental faz parte da educação de todos, pratique essa ideia!

Secretarias participam de videoconferência sobre uso múltiplos dos Lagos

No último dia 13, representantes da Secretaria de Turismo e Meio Ambiente e da Secretaria de Agricultura estiveram reunidos para uma videoconferência organizada pela Associação Nacional dos Municípios Sedes de Usinas Hidroelétricas e Alagados (AMUSUH), com apoio do município de Foz do Iguaçu.

O tema principal foram as perspectivas de expansão dos usos múltiplos dos lagos, especialmente a aquicultura e o turismo, e as ações técnicas e políticas da Associação. Contaram ainda, com a participação de representantes da Secretaria de Aquicultura e Pesca (SAP) do Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Monumento de Sergius Erdelyi é instalado na Praça

No dia 14/04/2021 foi finalizado a instalação do Pinhão Estilizado, no centro da Praça Antônio Koremann (Praça Central).

O Pinhão Estilizado foi idealizado pelo artista plástico Sergius Erdelyi, em 2010. Existem outras obras iguais a esta instaladas no município. O monumento possui 2 metros de altura e representa que nosso município faz parte da região turística Rota do Pinhão.

O Paraná está dividido em 14 regiões turísticas do qual 224 municípios fazem parte. Entre as regiões turísticas está a Rota do pinhão que compreende Curitiba e Região Metropolitana.

No entorno do Pinhão Estilizado, a Secretaria de Turismo e Meio Ambiente também plantou flores e a obra pode ser apreciada por todos que transitam pelo local.

A gestão mostra o zelo aos pequenos detalhes, dentro da realidade do município, para tornar Tijucas do Sul mais bonita do que ela já é.

100 dias de Governo: Secretaria de Turismo e Meio Ambiente (1ª Parte)

A Secretaria de Turismo e Meio Ambiente se mostrou muito ativa nesses 100 primeiros dias de governo. Comandada pelo Secretário Manoel Marcos da Silva, a pasta teve vários pontos a serem destacados , em primeiro momento falaremos da parte do turismo:

• Levantamento da situação documental de alguns imóveis para possíveis projetos;

• Portal do Município (adequação do projeto, levantamento de documentos, escolha do local, etc);

• Instalação de uma obra de Sergius Erdelyi na praça central.

• Trabalho em conjunto com a empresa URBTEC, para elaboração do novo plano diretor;

• Assinatura de termo de cooperação técnica com São José dos Pinhais, para duas rotas cicloturísticas dentro do município;

• Eleição da nova diretoria do Conselho de Turismo e Meio Ambiente (COMTURMA);

• Pela ADETUR, foi realizado o levantamento de material para o desenvolvimento do Mapa Turístico da Rota do Pinhão;

• Visitas nas propriedades do Rio de Una, Sergius Erdelyi e Postinho;

• Estudo de novas rotas turísticas;

• Agendamento de cursos do SENAR;

• Instalação de placas da Rota Rural Sergius Erdelyi;

• Início das gravações para a TV Paraná Turismo;

• Participação da equipe da secretaria em diversos cursos técnicos;

• Elaboração de inúmeros projetos para recursos de emendas parlamentares, entre eles: Plano de desenvolvimento turístico do município, desenvolvimento de rotas turísticas, desenvolvimento do cicloturismo municipal;

• Projeto da festa de emancipação do município;

• Projeto de decoração e eventos natalinos;

• Inúmeras reuniões técnicas (CNM, Agricultores do Município, Feira da Praça, IAT, EMATER, SENAR, SEBRAE, CONDERS, ADETUR, UNINTER);

Assinado termo de cooperação técnica entre Tijucas do Sul e São José dos Pinhais que tratam das rotas ciclísticas

Dando continuidade a parceria entre Tijucas do Sul e São José dos Pinhais, referente ao projeto Ciclotur SJP, foi assinado o Termo de Cooperação Técnica entre os dois municípios, na tarde desta quinta-feira (17/03/21).

Duas rotas do circuito Ciclotur SJP adentrarão em Tijucas do Sul, uma na localidade do Rio de Una e a outra no Morro Redondo. Este é o início de uma parceria que trará bons frutos para o desenvolvimento das rotas turísticas dos municípios.

O Prefeito José Altair Moreira, o Secretário de Turismo e Meio Ambiente Manoel Marcos da Silva, acompanhados de membros da Secretaria de Turismo e Meio Ambiente, Luciana Pichorim e Nelci Batista representaram o município de Tijucas do Sul no encontro. Do lado de de São José dos Pinhais, estiveram presentes os membros da Ciclotur: Nicolas Nering, Marcos Daniel Kuzma e Willian Rates.

COMTURMA se reúne em Tijucas do Sul

Ontem dia 23, reuniram-se nas dependências do auditório da Prefeitura Municipal, membros do Conselho Municipal de Turismo e Meio Ambiente (COMTURMA).

Na pauta estava algumas questões de interesse do conselho:

  • Aquisição de mais lixeiras;
  • Proposta de mudança na lei do COMTURMA referente ao número de conselheiros;
  • Eleição da nova diretoria para o biênio de 2021/2022;
  • Apresentação do trabalho realizado no biênio 2019/2020, principalmente as metas alcançadas nesse tempo;
  • Proposta de planejamento do turismo para os próximos anos.

O COMTURMA, assim como outros conselhos municipais, é uma importante ferramenta pois regulamenta, planeja, fiscaliza e aprova projetos e orçamentos referentes ao Turismo e Meio Ambiente. Como a gestão está priorizando o Turismo na região, essas reuniões são fundamentais para traçar as estratégias que a cidade irá adotar para tais ações.

A pandemia alterou o calendário turístico do município e, algumas ações foram adiadas, mesmo assim as propostas estão sendo mantidas e espera-se uma boa perspectiva para o próximo ano.

Balanço do 1° mês de gestão: Secretaria de Turismo e Meio Ambiente

Hoje é dia de conhecer o trabalho no primeiro mês de gestão da Secretaria de Turismo e Meio Ambiente, comandada pelo secretário Manoel Marcos da Silva.

Nessa gestão o Turismo de Tijucas do Sul tem sido bastante visado, pois entende-se que o potencial que o município tem a oferecer é gigante, o que consequentemente trará bons frutos na geração de renda e desenvolvimento para a cidade.

Entre os trabalhos realizados podemos destacar:

  • Levantamento de informações sobre a situação documental de alguns imóveis para futuros projetos;
  • Reuniões e estudo para enfim efetivar a reivindicação do Portal do Município junto à Arteris Litoral Sul;
  • Encontros com a URBITEC para a elaboração do novo Plano Diretor;
  • Levantamento de material para o desenvolvimento do Mapa Turístico da Rota do Pinhão;
  • Estudo para a implantação de nova rota turística na região do Rio de Una;
  • Atualização e levantamento turístico do município;
  • Planejamento e agendamento de cursos para as rotas e caminhada na natureza.

Visto que o município é rico em áreas naturais, e que necessita de políticas públicas para a questão da preservação e sustentabilidade, o setor de Meio Ambiente também tem se destacado pelos serviços realizados:

  • Levantamento de informações da situação da ARECICLA (Associação de Reciclagem);
  • Instalação de lixeiras comunitárias (já estudando a aquisição de mais unidades);
  • Estudo sobre o ICMS Ecológico, para aumentar os valores arrecadados;
  • Cadastro de mananciais e RPPNs (Reserva Particular do Patrimônio Natural);
  • Identificação de situações de alagamento no município;
  • Busca de apoio técnico para projeto de desassoreamento;
  • Projeto de recomposição de mata ciliar;
  • Fornecimento de mudas de mata nativa para recomposição;
  • Limpeza de um ponto de lixo clandestino no Salto da Boa Vista;
  • CAR (Cadastro Ambiental Rural) cadastros novos e correção (RETIFICAÇÃO) de cadastros já existentes;
  • Orientação (licenças para forno de carvão, licença para corte de árvores, licença de lava-car, licença para tanque de combustível);
  • Fiscalização, Vistorias e laudos técnicos referentes a solicitações de Ministério Público, Instituto água e Terra e Delegacia de Meio Ambiente;
  • Emissão de certidão para uso e ocupação do solo;
  • Autorizações municipais segundo Resolução SEMA 051/2009;
  • Monitoramento da coleta de lixo comum e reciclável bem como elaboração de rotas;
  • Controle de resíduos no aterro da ESTRE junto com a CONRESOL;
  • Emissão de parecer ambiental referente a protocolos e solicitações da Defesa Civil;
  • Preenchimento de requerimento de informações ambientais referente a localização para fins de ligação de energia;
  • Requerimento de Dispensa de Licenciamento Ambiental (via SGA – Sistema de Gestão Ambiental);
  • Licença para porte e uso de Motosserra (Cadastro, alterações de dados, alteração de motosserra, etc);
  • Atualização da licença e recuperação de senhas;
  • Parecer ambiental para corte de até cinco árvores nativas e não constante na lista de espécies ameaçadas de extinção por propriedade (não podendo ser transportada).

 A Secretaria de Turismo e Meio Ambiente, mesmo enfrentando a crise gerada pela pandemia, vem se estruturando para poder ofertar o suporte necessário ao munícipe que necessite de tal apoio em seu comércio ou propriedade.

Ciclotur de São José dos Pinhais inclui Tijucas do Sul em suas rotas

No último dia 10, representantes da Ciclotur de São José dos Pinhais (projeto da Secretaria de Indústria, Comércio e Turismo de São José dos Pinhais) estiveram na Prefeitura de Tijucas do Sul para dialogar sobre as rotas de cicloturismo da região.

Em conversa com os gestores municipais e membros da Secretaria de Turismo e Meio Ambiente de Tijucas do Sul, os representantes evidenciaram a importância do nosso município e suas estradas rurais para cooperar com tal projeto, fazendo parte de alguns circuitos.

O Cicloturismo é uma tendência que consegue trazer a visitação a pontos turísticos, paisagens, comércios locais e lugares históricos e proporcionar um estilo de vida saudável e aventureiro, contribuindo para o desenvolvimento econômico da região.

A gestão se mostra comprometida com tal iniciativa, pois sabe da importância de hábitos saudáveis e projetos turísticos sustentáveis.