Audiência pública aprova calçamento nas regiões de Lagoa e Lagoinha

Aconteceu sábado, dia 14 de agosto, uma audiência pública com um conteúdo de extremo interesse para moradores da região de Lagoa e Lagoinha: a aprovação da instalação de calçamento para as Estradas Romalino Neves e Benjamim Ferreira da Rocha.

As vias escolhidas são rotas importantes para a ligação de 2 bairros de considerável número populacional, por dar acesso direto à principal via de ligação ao eixo do turismo municipal e por abranger uma área com vários comércios e empreendimentos.

Moradores lindeiros às estradas em questão estiveram presentes, mostrando o engajamento de todos para a melhoria daquela região. O prefeito José Altair Moreira, sempre acompanhado de seu vice, Claudemir Pereira, ressaltou a importância da conquista, com o melhoramento das condições para aquelas localidades. Também esteve presente, o secretário de Agricultura, Antonio Arinaldo Rocha (Nardão); o diretor de Planejamento e Projetos, Adelar Fagundes; o engenheiro responsável, Fernando Cezanoski; funcionários da pasta da agricultura; além de representantes do setor legislativo.

A obra foi colocada em votação, que por unanimidade, onde todos levantaram as mãos e em seguida deram uma calorosa salva de palmas, foi aprovada por esta audiência pública. O projeto passará agora pela aprovação do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável, e na sequência tramitará pelos setores da Prefeitura.

Está é uma conquista da gestão, que graças à experiência política dos gestores e o bom relacionamento e diálogo junto da SEAB-PR (Secretaria de Agricultura e do Abastecimento do Paraná), que vem sendo uma importante parceira, sempre beneficiando o setor agrícola em nosso município.

As estradas Romalino Neves e Benjamim Ferreira da Rocha têm ao todo, aproximadamente 2 quilômetros de extensão e compreendem os bairros de Lagoa e Lagoinha. A obra será um calçamento com blocos sextavados, com características de pavimentação (meio-fio e lombadas) que vão de encontro com as questões ambientais, permitindo um maior escoamento das águas pluviais.

Agradecemos ao Sr. Beto, proprietário da Arena Soccer Lagoinha, por nos ceder gentilmente o espaço para a audiência pública.